Cuidados e segurança

Proteção e segurança de dados

Atenção: Esse produto vem com uma senha-padrão de fábrica. Para sua segurança, é IMPRESCINDÍVEL que você a troque assim que instalar o produto.

Observar as leis locais relativas à proteção e uso de dados e as regulamentações que prevalecem no país. O objetivo da legislação de proteção de dados é evitar infrações nos direitos individuais de privacidade, baseadas no mau uso dos dados pessoais.

Tratamento de dados pessoais

Este sistema utiliza e processa dados pessoais como senhas, registro detalhado de chamadas, endereços de rede e registro dos dados de clientes, por exemplo.

Diretrizes que se aplicam aos funcionários da Intelbras

  • Os funcionários da Intelbras estão sujeitos a práticas de comércio seguro e confidencialidade de dados sob os termos dos procedimentos de trabalho da companhia.
  • É imperativo que as regras a seguir sejam observadas para assegurar que as provisões estatutárias relacionadas a serviços (sejam eles serviços internos ou de administração e manutenção remotas) sejam estritamente seguidas. Isso preserva os interesses do cliente e oferece proteção pessoal adicional.

Diretrizes que controlam o tratamento de dados

  • Assegurar que apenas pessoas autorizadas tenham acesso aos dados de clientes.
  • Usar as facilidades de atribuição de senhas, sem permitir qualquer exceção. Jamais informar senhas para pessoas não autorizadas.
  • Assegurar que nenhuma pessoa não autorizada tenha como processar (armazenar, alterar, transmitir, desabilitar ou apagar) ou usar dados de clientes.
  • Evitar que pessoas não autorizadas tenham acesso aos meios de dados, por exemplo, discos de backup ou impressões de protocolos.
  • Assegurar que os meios de dados que não são mais necessários sejam completamente destruídos e que documentos não sejam armazenados ou deixados em locais geralmente acessíveis.
  • O trabalho em conjunto com o cliente gera confiança.

Uso indevido e invasão de hackers

  • As senhas de acesso às informações do produto permitem o alcance e a alteração de qualquer facilidade, como o acesso externo ao sistema da empresa para obtenção de dados e realização de chamadas, portanto, é de suma importância que as senhas sejam disponibilizadas apenas àqueles que tenham autorização para uso, sob o risco de uso indevido.
  • O produto possui configurações de segurança que podem ser habilitadas, e que são abordadas no manual do usuário, todavia, é imprescindível que o usuário garanta a segurança da rede na qual o produto está instalado, haja vista que o fabricante não se responsabiliza pela invasão do produto via ataques de hackers e crackers.
Aviso: A Intelbras não acessa, transfere, capta, nem realiza qualquer outro tipo de tratamento de dados pessoais a partir deste produto, com exceção aos dados necessários para funcionamento do próprio produto.

Aviso de segurança do laser

A OLT G16 possui fonte emissora de laser que emite energia luminosa em cabos de fibra óptica. Essa energia está dentro da região do infravermelho (invisível) do espectro eletromagnético vermelho (visível).

Os produtos a laser estão sujeitos a regulamentos que exigem que os fabricantes certifiquem cada produto, classificando-o conforme o laser emitido. São denominadas quatro classes de laser, I, II, III e IV, conforme características da radiação do laser. Em termos de saúde e segurança, produtos de classe I apresentam menor risco (nenhum), enquanto produtos de classe IV representam maior perigo. Embora os produtos ópticos Intelbras possuam certificação classe I, a exposição à radiação do laser pode ocorrer quando as fibras que conectam os componentes do sistema são desconectadas ou partidas.

Certos procedimentos realizados durante os testes requerem a manipulação de fibras ópticas sem a utilização dos tampões de proteção, aumentando, portanto, o risco de exposição. A exposição a qualquer laser visível ou invisível pode ser nocivo ao olho humano e de animais, sob certas condições. Leia e observe as seguintes precauções para reduzir o risco de exposição à radiação laser.

Atenção: evite exposição direta às extremidades de conectores ópticos, a radiação do laser pode estar presente. Nunca olhe diretamente para uma fibra óptica ativa ou para um conector de fibra óptica de um dispositivo que esteja alimentado.

Ao trabalhar com fibras ópticas, tome as seguintes precauções:

  • Lave as mãos após o manuseio de fibras ópticas. Pequenos pedaços de vidro nem sempre são visíveis e podem causar danos aos olhos. Procure ajuda médica imediatamente se qualquer pedaço de vidro entrar em contato com seus olhos.
  • Evite a exposição direta às extremidades da fibra óptica ou ao conector óptico. Não manuseie pedaços de fibra óptica com os dedos. Use uma pinça ou fita adesiva para levantar e descartar qualquer ponta solta de fibra óptica.
  • Utilize luvas de borracha para limpar os conectores ópticos. As luvas previnem o contato direto com o álcool isopropílico e evitam a contaminação das pontas dos conectores ópticos com a oleosidade da pele.
  • Manuseie as fibras ópticas com cautela. Mantenha-as em um local seguro durante a instalação.
  • Siga as instruções do fabricante quando utilizar um conjunto de testadores ópticos. Configurações incorretas de calibração ou de controle podem gerar níveis perigosos de radiação.

Aviso de segurança elétrica

Atenção Tenha certeza de que o produto está conectado a um sistema de aterramento que atenda a todas as regulamentações de instalações elétricas vigentes.
Nunca realize a instalação de cabos de rede durante uma tempestade com queda de raios.

Especificações técnicas

Especificação Valores
Dimensões (L × A × P) 44 × 4,4 × 38 cm
Peso ≤ 5,8 kg
Ambiente de operação Temperatura de operação: -10 °C ~ +55 °C
Umidade relativa: 10% ~ 90% sem condensação
AC: Entrada de 100V ~ 240V - 50/60Hz;
Alimentação* DC: - 40V ~ - 60V;
Entrada: redundante AC/AC – AC/DC – DC/DC
Potência Máxima: 100 W
Proteção contra surtos 25 KV durante 45 microssegundos em modo comum
1 KV durante 10/700 microssegundos em modo diferencial
16 slots SFP GPON
Suporte a sistema óptico classe B+ e C+
Interfaces GPON Em conformidade com ITU-T G.984
Suporte a largura de banda
»  1.244 Gbps upstream (receptor), comprimento de onda (1.310 nm)
»  2.488 Gbps downstream (transmissor), comprimento de onda (1.490 nm)
4 portas RJ45 (100/1000 Mbps Ethernet)
Interfaces Ethernet 4 slots SFP (100/1000 Mbps Ethernet)
2 slots SFP+ (10 Gbps Ethernet)
Interface gerenciamento 1 porta RJ45 (serial, comunicação RS232)
(out-of-band) 1 porta RJ45 (10/100 Ethernet)
Backplane 108 Gbps
Taxa de encaminhamento de pacotes 95 Mpps
Modelo processador BCM56452
Compatível com ITU-T G.984.1 – 984.4 OMCI
Compatível com IEEE 802.3 Ethernet
Padrões suportados Compatível com IEEE 802.1q/p VLANs
Compatível com IEEE 802.3u Fast Ethernet
Compatível com IEEE 802.3ab 1000BASE-T
Compatível com IEEE 802.3z SFP Ethernet
Gerenciamento CLI (Command Line Interface) (Telnet/SSH)
Certificações Anatel
* O produto não vem acompanhado de fonte de alimentação.

Produto

A OLT G16 proporciona uma variedade de interfaces de conexões, além de poder ser montada em rack-padrão 19”. Os conectores de alimentação são acessados na parte posterior da OLT e os conectores das interfaces são acessados na parte frontal da OLT. O fluxo de ar da unidade vai da esquerda para a direita.

A OLT agrega o tráfego local proveniente de uma variedade de meios (links de downstream) e os envia para os dispositivos responsáveis pelos serviços (links de upstream). Sob o olhar dos prestadores de serviços, que buscam aumentar a receita e oferecer novos serviços, torna-se crucial a disponibilidade de largura de banda e qualidade de serviço. A necessidade de fornecer vídeos em alta definição, serviços de internet mais rápidos e conteúdo sob demanda exige que os serviços sejam baseados em fibras de alta velocidade, tornando a tecnologia baseada no padrão GPON a melhor escolha.

Historicamente, os elevados custos de construção e instalação de redes FTTx (Fiber to the x) representavam grandes barreiras para sua adoção em massa. Atualmente, as operadoras estão iniciando cada vez mais a migração para redes FTTx em novas localizações, angariando novos assinantes, e também nos bairros já atendidos por cabeamento metálico, a fim de disponibilizar a largura de banda necessária para os novos serviços oferecidos a seus clientes. A Intelbras abordou os desafios do ponto de vista de um provedor de serviços e desenvolveu soluções para simplificar a instalação FTTx, minimizando os custos operacionais.

A rede GPON é considerada atualmente a tecnologia mais econômica para a implantação de uma rede FTTH (Fiber to the Home), uma vez que suporta até 128 divisões passivas por porta GPON, otimizando o custo de transceptores ópticos na OLT, juntamente com a capacidade de fornecer até 2,5 Gbps de largura de banda de downstream e 1,25 Gbps de largura de banda de upstream.

A tecnologia GPON está em ampla expansão, onde a inclusão de serviços como o de voz e IPTV rende um novo fluxo de receita a partir do qual as despesas com o FTTH justificam-se. Essas tendências no serviço de banda larga têm sido muito analisadas pelos prestadores de serviços, que preveem que ao menos 100 Mbps de largura de banda serão necessários por assinante dentro dos próximos anos.

Estrutura do Painel Frontal

Painel Frontal

Os LEDs indicadores e as interfaces no painel frontal da OLT G16 estão organizados, da esquerda para a direita, da seguinte forma:

  • indicadores para as fontes de alimentação, de funcionamento do sistema e da porta para comissionamento;
  • porta console e porta AUX;
  • 16 portas GPON;
  • indicadores REG / ACT para as portas 8/16 GPON;
  • portas GE Combo;
  • indicadores LINK / ACT para as 4 portas GE Combo;
  • portas 10 Gigabit; e,
  • indicadores LINK / ACT para as 2 portas de 10 Gigabit.

Descrição dos LEDs de monitoramento

Os LEDs de monitoramento localizados no painel frontal da OLT possuem as seguintes funções.

LED Descrição
PWR1 Aceso: fonte principal operando normalmente
Apagado: a fonte principal não está operacional
PWR2 Aceso: fonte de backup operando normalmente
Apagado: a fonte de backup não está operacional
RUN Piscando: a OLT está operando normalmente
Apagado: a OLT não está operando normalmente
ETH Aceso: Indicador de uso da porta de gerenciamento
Apagado: Indicador de portas sem uso
GPON1 a GPON16 REG aceso: existe ao menos uma ONU registrada
REG apagado: não existe nenhuma ONU registrada
ACT piscando: a porta está enviando ou recebendo dados.
Ethernet 1 a Ethernet 4 SFP+ 1 – SFP+ 2 LINK aceso: A porta está conectada
LINK apagado: A porta não está conectada
ACT piscando: A porta está recebendo ou enviando dados

Portas de uplink Gigabit Ethernet e 10 Gigabit Ethernet

A OLT G16 fornece 4 portas RJ-45 10/100/1000 combo com 4 slots para módulos SFP 100/1000. Se um módulo SFP for utilizado, a porta RJ-45 correspondente ficará inativa. Já para a conexão de 10 GB estão disponíveis slots com suporte a módulos SFP+.

Destaque das portas Combo ETH GE e 10GE.

Interface GPON

As portas GPON oferecem um tráfego de no máximo de 2,5 Gbps de downstream e 1,25 Gbps de upstream. Formam uma arquitetura ponto-multiponto e podem ser divididas em até 128 assinantes.

Solução GPON

A OLT G16 fornece 16 portas SFP GPON, com o máximo de 128 divisões cada. Os slots SFP podem ser utilizados em conexões cabeadas 1000BASE-T ou conexões de fibra (SX, LX ou ZX), dependendo do tipo de módulo SFP conectado.

Destaque das portas GPON.

Módulos SFP, SFP+ e GPON suportados

A OLT G16 suporta os seguintes módulos GPON, SFP e SFP+:

Modelo Descrição
SFP Gigabit Ethernet
Fast Ethernet/Gigabit Ethernet Até 100 metros com conector RJ45
KGM 2105 Tx 850 nm, Rx 850 nm, e até 500 metros de distância com conector LC duplex
KGS 2110 Tx 1310 nm, Rx 1310 nm, e até 10 km de distância com conector LC duplex
KGSD 2110 A Tx 1550 nm, Rx 1310 nm, e até 10 km de distância com conector LC simplex
KGSD 2110 B Tx 1310 nm, Rx 1550 nm, e até 10 km de distância com conector LC simplex
SFP+ 10 GE
KTS 2110+ 1310 nm em fibra Monomodo, conector LC PC duplex; até 10 km de distância
SFP GPON
GPON SFP C+ Tx 1490 nm, Rx 1310 nm com conector SC/PC; alcance de 20 km;
compatível com ITU-T G.984.2; Plug & Play e hot pluggable; suporte a RSSI e DDMI
GPON SFP B+ Tx 1490 nm, Rx 1310 nm com conector SC; alcance de 20 km;
Compatível com ITU-T G.984.2; Plug & Play e hot pluggable; suporte a RSSI e DDMI

Observação: A OLT G16 não possui nenhuma restrição com módulos SFP de terceiros, porém não garantimos a compatibilidade.

Gerenciamento Out-of-band

A OLT G16 possui duas interfaces de gerenciamento out-of-band.

  • 1 porta RJ-45 comunicação serial RS232 (9600/N/1/N).
  • 1 porta RJ-45 específica para gerenciamento (10/100 Ethernet).

Obs.: à interface Ethernet é atribuído o endereço IP-padrão 192.168.10.1.

Após o estabelecimento de conexão com a OLT, os administradores podem gerenciar o dispositivo utilizando a interface de linha de comando (CLI), interface web.

Destaque das portas de gerenciamento out-of-band.

Instalação

Importante: este produto deve ser instalado por um profissional técnico especializado.

Instalando os suportes de fixação na OLT G16

Para instalar os suportes de fixação na OLT, siga os seguintes passos:

  1. Com cuidado, coloque a OLT sobre uma superfície de trabalho limpa, plana e firme;
  2. Fixe os 4 pés de borracha (que acompanham o produto), um em cada canto da OLT. Os pés de borracha são auto adesivos, para colá-los retire as proteções.
  3. Retire da embalagem os dois suportes de fixação que acompanham o dispositivo e os 6 parafusos.
  4. Instale os suportes de fixação, parafusando-os nas laterais da OLT.

Observação.: Utilize os parafusos fornecidos junto com o kit de instalação.

Ilustração da instalação dos suportes de fixação.

Instalando a OLT G16 em rack 19” (EIA)

A OLT pode ser instalada em rack de 19 polegadas que esteja conectado a um sistema de aterramento.

  1. Escolha uma posição no rack para a fixação da OLT;
  2. Insira cuidadosamente a OLT no rack com a parte frontal voltada para fora;
  3. Fixe a OLT no rack utilizando parafusos adequados.

Instalando a OLT G16 em rack 19”

Sistema de aterramento

Toda e qualquer manutenção ou modificação no sistema elétrico ou de aterramento deve ser efetuado por profissional técnico especializado. A NBR 5410 possui informações detalhadas acerca desses pontos e em caso de dúvidas deve ser consultada.

Requisitos mínimos do sistema de aterramento

Utilize as informações a seguir para prover um sistema de aterramento adequado antes de concluir a instalação da OLT G16:

  • Verifique a impedância da referência de aterramento do local de utilização, e garanta que ela seja inferior a 10 ohms. Se o aterramento for superior a 10 ohms, deve-se realizar melhorias no sistema de aterramento antes de instalar o produto. Um sistema mal aterrado pode ocasionar queima ou mau funcionamento do produto;
  • O cabo de aterramento da OLT deve ser conectado fisicamente à referência principal do sistema de aterramento;
  • Nunca conecte o cabo de aterramento da OLT aos eletrodutos do local de instalação;
  • Para o cabo de aterramento da OLT, utilize sempre condutores contínuos;
  • Não utilizar cabos com bitola inferior a 10 AWG em qualquer ponto do aterramento;
  • Evite o uso do cabeamento de aterramento junto de fontes de radiação de alta frequência, tais como transformadores, fontes chaveadas, lâmpadas fluorescentes ou lâmpadas LEDs; e,
  • Em condições normais de operação, o cabo de aterramento não pode conduzir corrente.

Aterrando a OLT G16

Deve-se obrigatoriamente aterrar a OLT G16 antes de alimentar o dispositivo.

  1. Coloque o fio terra no parafuso de aterramento, que está localizado na parte posterior no canto direito da OLT;

Aterrando o chassi

  1. Utilize um cabo de aterramento de no mínimo 10 AWG da OLT até o quadro de aterramento. Certifique-se de que todos os conectores do cabo de aterramento sejam feitos com metal exposto (metal nu);
  2. Decape aproximadamente 13 mm do cabo de aterramento e crimpe o terminal de conexão, quando necessário;

Crimpagem do aterramento ao terminal

  1. Conecte o cabo de aterramento à OLT e aperte o parafuso para fixá-lo.

Verificando o aterramento

O aterramento adequado reduz o efeito de surto na linha e limita as tensões e interferência de RF que podem afetar a comunicação entre dispositivos de rede

  1. Teste a impedância das ligações entre o ponto de aterramento do quadro central (ponto 1) e o rack (ponto 2);
  2. Teste a impedância das ligações entre o sistema de aterramento do rack (ponto 2) e a OLT (ponto 3). A impedância deve ser muito próxima a zero, inferior a 1 ohm.

Testando a impedância

Alimentando a OLT G16

A OLT G16 oferece a possibilidade de utilização de duas fontes de alimentação diferentes:

  • Fonte AC: 100VAC ~ 240VAC; e,
  • Fonte DC: – 40 VDC ~ – 60 VDC

A OLT oferece suporte a redundância do sistema de alimentação, utilizando duas fontes de alimentação, com as seguintes configurações:

  • Entrada AC+AC;
  • Entrada DC + DC; ou,
  • Entrada AC + DC.

Observação: A OLT não vem equipada com nenhuma fonte de alimentação, essa deve ser adquirida separadamente. Para mais informações sobre as fontes de alimentação IPS G16 AC e IPS G16 DC consulte o guia de instalação das fontes.

Primeiro acesso para configuração do produto

Primeiro acesso ao produto OLT via CLI

Para acessar a interface CLI do produto, configure seu endereço de IP e certifique-se de que seu equipamento esteja conectado na mesma rede de seu terminal de acesso.

Os exemplos a seguir demonstram a forma de acesso pelas portas de gerenciamento utilizando as comunicações Serial e Telnet. O acesso via SSH vem desabilitado por padrão, para habilitar o acesso via SSH consulte o manual do usuário.

Comunicação via Serial:

Dados de configuração serial

  • Velocidade: 9600 bps
  • Paridade/Bits: 8N1
  • Controle de fluxo por hardware: Não
  • Controle de fluxo por software: Não
  • Tecla de comando: Meta-8th bit

O acesso via comunicação serial pode ser feito utilizando o software de sua preferência. Neste exemplo utilizamos o software Minicom:

  1. Abra seu terminal e digite o comando:
sudo minicom -D /dev/ttyS0 -b 9600

em seguida pressione a tecla Enter de seu teclado.

Observação: Baud rate 9600, esse parâmetro diz para o programa usar o baud rate especificado para acessar a porta serial, no caso a OLT G16 usará 9600.

  1. Digite o login e password e pressione a tecla Enter, conforme exemplo a seguir:
Username(1-64 chars):admin Password(1-96 chars):admin
  1. Agora você está pronto para configurar sua OLT
  2. Para sair digite exit e pressione a tecla Enter do seu teclado.

Comunicação via Telnet:

  1. Abra seu terminal e digite o comando abaixo:

telnet 192.168.10.1

em seguida pressione a tecla Enter de seu teclado:

  1. Digite o login e password e pressione a tecla Enter, conforme exemplo abaixo:
Username(1-64 chars):admin Password(1-96 chars):admin
  1. Agora você está pronto para configurar sua OLT.
  2. Para sair digite o seguinte comando exit e aperte a tecla Enter do seu teclado.

Termo de garantia

Fica expresso que esta garantia contratual é conferida mediante as seguintes condições:

___________________________________________________________________

Nome do cliente:

Assinatura do cliente:

Nº da nota fiscal:

Data da compra:

Modelo: Nº de série:

Revendedor:

___________________________________________________________________

  1. Todas as partes, peças e componentes do produto são garantidos contra eventuais vícios de fabricação, que porventura venham a apresentar, pelo prazo de 1 (um) ano – sendo este prazo de 3 (três) meses de garantia legal mais 9 (nove) meses de garantia contratual –, contado a partir da data da compra do produto pelo Senhor Consumidor, conforme consta na nota fiscal de compra do produto, que é parte integrante deste Termo em todo o território nacional. Esta garantia contratual compreende a troca de partes, peças e componentes que apresentarem vício de fabricação. Caso não seja constatado vício de fabricação, e sim vício(s) proveniente(s) de uso inadequado, o Senhor Consumidor arcará com essas despesas.
  2. A instalação do produto deve ser feita de acordo com o Manual do Produto e/ou Guia de Instalação. Caso seu produto necessite de instalação e configuração por um técnico capacitado, procure um profissional idôneo e especializado, sendo que os custos desses serviços não estão inclusos no valor do produto.
  3. Constatado o vício, o Senhor Consumidor deverá imediatamente comunicar-se com o Serviço Autorizado mais próximo que conste na relação oferecida pelo fabricante – somente estes estão autorizados a examinar e sanar o defeito durante o prazo de garantia aqui previsto. Se isso não for respeitado, esta garantia perderá sua validade, pois estará caracterizada a violação do produto.
  4. Na eventualidade de o Senhor Consumidor solicitar atendimento domiciliar, deverá encaminhar-se ao Serviço Autorizado mais próximo para consulta da taxa de visita técnica. Caso seja constatada a necessidade da retirada do produto, as despesas decorrentes, como as de transporte e segurança de ida e volta do produto, ficam sob a responsabilidade do Senhor Consumidor.
  5. A garantia perderá totalmente sua validade na ocorrência de quaisquer das hipóteses a seguir: a) se o vício não for de fabricação, mas sim causado pelo Senhor Consumidor ou por terceiros estranhos ao fabricante; b) se os danos ao produto forem oriundos de acidentes, sinistros, agentes da natureza (raios, inundações, desabamentos, etc.), umidade, tensão na rede elétrica (sobretensão provocada por acidentes ou flutuações excessivas na rede), instalação/uso em desacordo com o manual do usuário ou decorrentes do desgaste natural das partes, peças e componentes; c) se o produto tiver sofrido influência de natureza química, eletromagnética, elétrica ou animal (insetos, etc.); d) se o número de série do produto tiver sido adulterado ou rasurado; e) se o aparelho tiver sido violado.
  6. Esta garantia não cobre perda de dados, portanto, recomenda-se, se for o caso do produto, que o Consumidor faça uma cópia de segurança regularmente dos dados que constam no produto.
  7. A Intelbras não se responsabiliza pela instalação deste produto, e também por eventuais tentativas de fraudes e/ou sabotagens em seus produtos. Mantenha as atualizações do software e aplicativos utilizados em dia, se for o caso, assim como as proteções de rede necessárias para proteção contra invasões (hackers). O equipamento é garantido contra vícios dentro das suas condições normais de uso, sendo importante que se tenha ciência de que, por ser um equipamento eletrônico, não está livre de fraudes e burlas que possam interferir no seu correto funcionamento.

Sendo estas as condições deste Termo de Garantia Complementar, a Intelbras S/A se reserva o direito de alterar as características gerais, técnicas e estéticas de seus produtos sem aviso prévio.

Todas as imagens deste manual são ilustrativas.


Suporte a clientes: (48) 2106 0006

Fórum: forum.intelbras.com.br

Suporte via chat: intelbras.com.br/suporte-tecnico

Suporte via e-mail: suporte@intelbras.com.br

SAC: 0800 7042767

Onde comprar? Quem instala?: 0800 7245115

Produzido por: Intelbras S/A – Indústria de Telecomunicação Eletrônica Brasileira

Rodovia SC 281, km 4,5 – Sertão do Maruim – São José/SC - 88122-001

CNPJ: 82.901.000/0014-41 – www.intelbras.com.br

Origem China                                                                                                   01.22